Artigos friends

Publicado em 17 de julho, 2017 | por Administrador

0

O Boneco

Osório, sua esposa Selma e o filho Tiago almoçam tranquilos, quando ouvem gritos. É Carmem, a filha mais nova, nos fundos da casa. – Acodem rápido! Vejam que horrível! – mostra a jovem assustada.

Num canto do quintal, perto da piscina, um objeto muito estranho, com várias costuras no ventre e na boca, manchas vermelhas no tecido surrado, espetado por várias agulhas.

- Não toquem! Cuidado! É um despacho de macumba. Grita Felismina, a serviçal doméstica.

- Meu Deus! Quem será o malvado que nos quer prejudicar?! Não fazemos mal a ninguém – diz a dona da casa.

E dirigindo-se ao marido: – Certamente é arte daquela sirigaita que trabalha em sua repartição! Ela não esconde que considera você um ótimo partido. Que seria um viúvo disputado! Valha-me Deus, sinto falta de ar, é para mim essa encomenda das trevas, vou desmaiar!

- Ora,  querida – responde o esposo, conciliador – não julgue assim a pobre Anita. Conheço-a  bem. Seria incapaz de semelhante maldade. São os invejosos! Provavelmente pretendendo “amarrar” nossa prosperidade! Precisamos fazer algo rápido para neutralizar esta maligna influência, pois já fui atingido, ai que forte dor de cabeça, parece que martelam meus miolos!

- Coisa boa não é mesmo – acrescenta perturbado o filho Tiago – as agulhas parecem enterradas em meu corpo. Dói tudo! O despacho é para mim! Quando me apaixonei pela Margarida e rompi o noivado com Júlia ela jurou que eu pagaria pela desfeita. A família dela mexe com “saravá”!

- Você, que entende dessas coisas, o que nos diz, Felismina?

- A serviçal responde:: – Não sei quem fez, mas é para prejudicar a família toda. Cruzes!

O grupo assusta-se mais. O medo cresce. O desajuste encontrou portas abertas! Todos estão tensos e angustiados!

Selma está pálida, Osório gelado, tremendo da cabeça aos pés; os dois à beira de um colapso!

Batem à porta. É o vizinho!

- Bom dia,-  diz o vizinho – Desculpem incomodá-los. Peço licença para levar o boneco de meu filho. O irmão o jogou no seu quintal. O garoto está em prantos. Seu sonho é ser médico cirurgião. O boneco é seu paciente. Já o “operou” muitas vezes. Não tem mais onde costurar. Até sangue inventou, com molho de tomate. Imagine, a mãe dele faz acupuntura, então ele resolveu, também, praticar a acupuntura  no boneco. Não concordo muito com isso de furar e cortar o boneco, mas a mãe diz que não faz mal. Em fim!

Assim, o boneco foi devolvido. Olharam-se todos atônitos! Descontraíram-se . O riso solto e feliz vem como alívio. Osório comenta bem humorado:- É, felizmente, o vizinho chegou a tempo! Se demorasse um pouco poderíamos morrer de susto.

 

Richard Simonetti



Comentários desativados.

Voltar ao topo ↑
  • Doe sua nota fiscal para o SEARA

    Atenção! Doe sua nota fiscal paulista para o SEARA.
    * * * * SANATÓRIO ESPÍRITA DE AMERICANA * * * *

    Informações: Manuel…
    Clique no link abaixo para ler o manual:

    Manual Nota Fiscal Paulista – SEARA

  • Frase do Mês

    Deus nos concede, a cada dia, uma página de vida nova no livro do tempo. Aquilo que colocarmos nela, corre por nossa conta.

    Chico Xavier

  • Reuniões & Atendimentos

    Confira os horários das reuniões e atendimentos no Centro Espírita Paz e Amor: Clique aqui.

  • Ampliação do Centro Paz e Amor

    Conheça a ampliação das instalações do Centro Paz e Amor:
    Projeto de Ampliação

    Clique e saiba mais

  • Últimas Atualizações

  • Livro do mês

  • Acompanhe no Facebook

  • Arquivos por mês